Arquivo da tag: fome

Ter fome no Brasil é um escândalo

Por Ladislau Dowbor

Do total de terras agricultáveis (225 milhões) e do que efetivamente usamos para cultivo (63 milhões) restam 160 milhões de hectares de solo agrícola parado ou radicalmente subutilizado com a chamada pecuária extensiva.  Trata-se de uma área equivalente a 5 vezes o território da Itália. O Brasil, junto com as savanas africanas, apresenta a maior extensão de solo agrícola parado do mundo. Além disso, o país tem as maiores reservas de água doce. E 60 milhões de pessoas adultas subutilizadas em termos de trabalho. Acabar com o escândalo da fome no Brasil não é um desafio técnico ou de falta de recursos, mas de organização política e social. Continue lendo Ter fome no Brasil é um escândalo

A fome continua presente

Por Walter Belik

Na Guerra Fria o uso da fome como arma de dissuasão se disseminou e os Estados Unidos fizeram uso de boicotes alimentares inúmeras vezes: contra Cuba em 1962, seguindo com embargos contra a antiga União Soviética em 1973 e 1980 e, mais recentemente, contra a Venezuela (2017) e o Irã (2018). Os dois últimos são casos clássicos de geração de crises artificiais visando a derrubada de governos, mas existem outros exemplos provocados “de forma natural”, pelas chamadas leis da economia. Continue lendo A fome continua presente

O legado de Josué de Castro sobre a “maior calamidade social”

Por Camille Bropp

Nos anos 1990, o geógrafo Manuel Correia de Andrade afirmou que se os conselhos do pesquisador pernambucano tivessem sido acolhidos, o Brasil teria vencido a fome. O agravamento desse problema social, porém, sugere que as raízes do livro Geografia da fome, lançado há exatos 75 anos, estão vivas, como resultado da descontinuidade das políticas de combate à desigualdade social e o baque da pandemia de covid-19. Com o retorno da insegurança alimentar ao patamar do início do século XXI, o pensamento de Castro ressurge nas discussões acadêmicas.

Imagem:  Instituto de Nutrição Josué de Castro/UFRJ Continue lendo O legado de Josué de Castro sobre a “maior calamidade social”

Capitalismo e fome

Por Plínio de Arruda Sampaio Júnior

O problema não é a existência de um excedente populacional insustentável, como apregoam as teorias de inspiração malthusiana muito em voga nos meios reacionários. Não existem dificuldades materiais insuperáveis que expliquem a fome. Sabe-se perfeitamente que há muito tempo a capacidade de produção de alimentos é mais do que suficiente para satisfazer toda população mundial. Hoje, ela é mais do que o dobro da necessária. Continue lendo Capitalismo e fome