Arquivo da tag: Ciência

Ciência, tecnologia e inovação: a nova jornada ao oeste chinesa

Por Allison Almeida e André Gobi

O romance Jornada ao Oeste é considerado uma das obras literárias mais importantes da história das artes chinesas. Escrita na segunda metade do século XVI por Wu Cheng’en, a novela épica conta a história de Sun Wukong, um peculiar rei, com poderes mágicos infindáveis, que resolve desafiar os deuses e outros seres folclóricos orientais para se tornar a criatura mais poderosa da terra. Continue lendo Ciência, tecnologia e inovação: a nova jornada ao oeste chinesa

Espiral, cultura e cultura científica

Por Carlos Vogt e Ana Paula Morales

A espiral da cultura científica (Vogt, 2012) é uma metáfora para a representação da dinâmica e da relação entre os fatos, ações e eventos compreendidos pela cultura científica (Figura1). Dois eixos perpendiculares, um na vertical e outro na horizontal, definem e opõem quatro quadrantes, pelos quais percorre continuamente a linha espiralada. Percebe-se que a ideia de criação dessa imagem se baseia na necessidade de comunicação, para que a ciência tenha uma concretude do ponto de vista da sua realidade, da sua materialidade social. Continue lendo Espiral, cultura e cultura científica

Punição na ciência através dos tempos

Por Gustavo Steffen de Almeida

A ciência e o método científico não se dão em um contexto neutro, livre de quaisquer influências. Assim, ainda que a perseguição e as punições ocorram em diferentes épocas e sob distintos motivos, é preciso diferenciar os perseguidos por seu fazer científico (proposição de teorias, formulação de hipóteses e defesa de pontos de vista) daqueles perseguidos por questões políticas ou étnicas. Essa fronteira, entretanto, nem sempre é bem definida. Continue lendo Punição na ciência através dos tempos

Pós-verdade e pós-falsidade

Por Carlos Vogt

Pós-verdade é mais um conceito-coringa, próprio da contemporaneidade, como pós-modernidade, e outros pós que virão. Diz tudo e diz nada, porque é feito da confusão entre o que se transforma, por conhecer, e a transformação do conhecimento na banalidade de receitas de autoajuda epistemológica. Mas é, ele próprio, derivado, entre outras coisas, da mudança de paradigma científico que se deu ao longo do século XX, com ênfase na substituição de um modelo ontológico de verdade por um modelo probabilístico. Continue lendo Pós-verdade e pós-falsidade

O gênero da ciência ou sobre silêncios e temores em torno de uma epistemologia feminista

Por Larissa Pelúcio

“Elas recebem menos convites para avaliar o trabalho de seus pares. E meninas se veem como menos brilhantes desde os 6 anos”. Editoria de Ciências – El País (1)

A notícia saiu no início de 2017, trazendo dados de duas pesquisas científicas sobre o alijamento de mulheres do campo de investigações acadêmicas. A reportagem é ilustrada pela foto de divulgação do hollywoodiano Estrelas além do tempo. Naquele filme, racismo, sexismo, machismo e conservadorismo político se juntam à alta tecnologia beligerante da Guerra Fria. Nada mais representativo do mundo das ciências. O mundo que tem a razão como seu alicerce. A mesma qualidade que sustenta nossas percepções vulgares sobre o comportamento masculino. Homem => razão => civilização => branquitude => ciência => verdade. Equação que não apareceu nos infindos cálculos das protagonistas do filme, mas que definiu calculadamente o silêncio que se instituiria sobre a participação crucial daquelas mulheres na “corrida espacial”.

Continue lendo O gênero da ciência ou sobre silêncios e temores em torno de uma epistemologia feminista