Arquivo da categoria: resenha

Os engenheiros do caos

Por Cristiane Kämpf

Os engenheiros do caos: como as fake news, as teorias da conspiração e os algoritmos estão sendo utilizados para disseminar ódio, medo e influenciar eleições, livro de Giuliano da Empoli, é alarmante, essencial e de leitura rápida. Porém, traz referências que podem render muitas horas de pesquisa sobre o uso político das redes sociais e sua relação com a nova onda nacionalista e o enfraquecimento da democracia representativa ao redor do mundo. Esta resenha tem o simples objetivo de despertar a curiosidade e incentivar possíveis leitores do trabalho. Para uma análise essencial a partir da ciência política fica a sugestão do texto “A engenharia do caos – é essa a nova política?”, de Reginaldo Carmello Corrêa de Moraes, professor da Unicamp, falecido em 2019. Continue lendo Os engenheiros do caos

O flerte da comédia com a tragédia

Por Laura Segovia Tercic

Documentário advoga pelo uso de humor em situações de crise humanitária, explora os limites do “cedo demais” para piadas e expõe, ainda que não propositalmente, que o considerado fácil de se produzir no mundo das risadas varia entre as gerações e entre culturas. Continue lendo O flerte da comédia com a tragédia

Reativando o futuro com o filósofo Franco ‘Bifo’ Berardi

Por Tainá Scartezini 

O que acabou, pondera o filósofo, não foi o futuro, e sim nossa capacidade de imaginá-lo Continue lendo Reativando o futuro com o filósofo Franco ‘Bifo’ Berardi

A saúde pública espera vaga na UTI: coronavírus e a luta de classes

Por Inácio de Paula

Para os pesquisadores, apesar da tentativa de camuflagem por meio da retórica “estamos todos juntos”, a expansão da covid-19 se mostra uma pandemia de classe, de gênero e de raça.  Continue lendo A saúde pública espera vaga na UTI: coronavírus e a luta de classes

Sobre não se contentar com a superfície: Nise – o coração da loucura

Por Raquel Torres

“Eu não acredito em cura pela violência”. Esta é a resposta de Nise da Silveira (1905-1999) ao ser apresentada a métodos de tratamentos psiquiátricos como lobotomia e eletroconvulsoterapia (eletrochoques). A fala resume a visão de medicina e posição ética dessa médica pioneira, que revolucionou a psiquiatria no Brasil.

Nise – o coração da loucura, longa metragem produzido em 2016 com Glória Pires no papel principal, e direção de Roberto Berliner, retrata um momento específico da trajetória de Nise, o período em que saiu da prisão (onde permaneceu por 18 meses) e retomou o exercício da medicina no hospital psiquiátrico de Engenho de Dentro, zona norte do Rio de Janeiro, em 1944. Continue lendo Sobre não se contentar com a superfície: Nise – o coração da loucura

A curiosa história de um livro que demorou 7 décadas para ser concluído

Por Bianca Bosso

Filme O gênio e o louco põe em xeque a concepção de loucura e genialidade e celebra a paixão pelas palavras ao contar a história do Dicionário Oxford da língua inglesa. Continue lendo A curiosa história de um livro que demorou 7 décadas para ser concluído

Quem foi que disse? Consenso e evidências são mais confiáveis que indivíduos

Por Laura Segovia Tercic

Por que confiar nos cientistas quando eles dizem que as mudanças climáticas irão mudar o mundo como o conhecemos e gerar crises e sofrimento? Livro de Naomi Oreskes, professora de história da ciência em Harvard, faz a pergunta fundamental de nossos dias.

Continue lendo Quem foi que disse? Consenso e evidências são mais confiáveis que indivíduos